Curitiba apresenta a maior variação de preço da cesta básica de alimentos do Brasil em 2021: 12,68%, entre janeiro e maio deste ano, segundo pesquisa do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socio Econômicos (Dieese). O levantamento, divulgado esta semana, mostra que a despesa com itens como arroz parboilizado, feijão preto, batata, tomate, leite integral […]

O post Armazéns e Sacolões da Família driblam alta de preços dos alimentos apareceu primeiro em Diário Indústria & Comércio – Jornal Curitiba – Economia, Publicidade Legal, Balanços, editais, Politica, esporte, policial, turismo, saúde, tecnologia.