Foto: DER

Em 2020, o Governo do Paraná garantiu 12 novas obras para rodovias estaduais, por meio de parceria do Departamento de Estradas de Rodagem do Paraná (DER/PR) com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Elas integram o Programa Estratégico de Infraestrutura e Logística de Transportes do Paraná e são financiadas pelo banco.

Seis já estão com contrato assinado. Outras seis tiveram a licitação publicada e os contratos deverão ser assinados no primeiro trimestre de 2021. As 12 obras, somadas, representam um investimento de R$ 409,8 milhões.

Os seis novos contratos assinados são para a construção do Contorno Norte de Castro; do Contorno Sul de Wenceslau Braz e da ponte sobre o Rio Chopin, na PR-912, e para correção de pontos críticos nas rodovias PR-650; PR-484 e PR-562. Destas, a construção da ponte sobre o Rio Chopin já está em andamento e as outras obras devem começar no início de 2021.

As obras licitadas durante o ano e cujos contratos deverão ser assinados no início de 2021 são: pavimentação da PR-160 entre Imbaú e Reserva; duplicação da PR-323 entre Doutor Camargo e a variante do Rio Ivaí; duplicação da PR-323 no perímetro urbano de Umuarama; duplicação da PR-092, em Siqueira Campos; implementação de terceiras faixas na PR-280, na região Oeste; e correção de pontos críticos da PR-151 entre Ribeirão Claro e Carlópolis.

Além das 12 novas obras, o programa avançou no andamento das cinco que já haviam iniciado entre 2018 e 2019: pavimentação da PR-912 entre Coronel Domingos Soares e Palmas; pavimentação da PR-364, entre São Mateus do Sul e Irati; implementação do acesso ao Contorno Norte de Castro, na PR-090; duplicação da PR-323, entre Paiçandu e Doutor Camargo; e duplicação da PR-445 entre Londrina e Irerê.

INVESTIMENTOS – Secretário estadual de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, pontuou que o investimento de mais de R$ 400 milhões assegurado em 2020 significa um compromisso da administração estadual com a modernização da infraestrutura paranaense. “Empregar recursos em obras rodoviárias no presente é a garantia para atrairmos investimentos que no futuro irão gerar emprego e renda a todo Paraná”, disse.

O secretário ainda destacou a agilidade nos trâmites internos do DER/PR para garantir que esses recursos assegurados pelo BID assistam as regiões que mais precisam. “O plano de trabalho do Programa Estratégico já levou asfalto pela primeira vez a rodovias do Interior do Estado e, agora, estamos garantindo a correção de pontos críticos em importantes rodovias, a implementação de contornos e a ampliação da capacidade de trechos com maior tráfego”, completou Sandro Alex.

Para o diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem (DER/PR), Fernando Furiatti, as obras contratadas em 2020 reafirmam uma nova fase dentro do órgão. “Passamos anos tendo como principais ações do governo para as rodovias as obras realizadas pelas concessionárias. Hoje, o DER/PR tem se consolidado para tocar obras nas rodovias estaduais e planejar ações de longo prazo”, disse.

Mantenha-se informado, leia mais no link: www.aen.pr.gov.br/